Português Italian English Spanish

Organização da classe de empresários de propaganda em Carro de Som Volante, é uma necessidade

Organização da classe de empresários de propaganda em Carro de Som Volante, é uma necessidade

PORANGATU TERÁ A  ASSOCIAÇÃO  DOS PROFISSIONAIS DE PROPAGANDA VOLANTE  DE PORANGATU-GOIÁS – ASSPROV-PGTU

Os Profissionais de Propaganda Volante de Porangatu, estiveram reunidos nos últimos dias nas dependências da Câmara Municipal de Porangatu, afim de discutirem a respeito dos direitos e deveres que tem com a sociedade Porangatuense.

Estiveram presentes:Ivan Vieira e Allisson Vieira(renascer produtora),Lázaro Rodrigues e Eduardo(Publison)Rosicley Martins(Irmão do Som),Elis Pompilio(Elisson) e Delan Cigano(WR Publicidades).Ainda faltam alguns, que numa próxima reunião deverão estar presentes.Toda reunião foi registrada em ata,para dar mais legalidade ao movimento.

O intuito dos empresários da área, é buscar a regulamentação desses veículos de mídia, e tentar impedir que outros carros de publicidade que não esteja regulamentados na Prefeitura, na Secretaria de Meio Ambiente, possa fazer o barulho fora de normas dos decibéis, e a culpa recai sempre nos que estão habilitados.

Temos muitos veículos em Porangatu, com pessoas já veteranas na profissão, porém se esqueceram de legalizar, dando margem para que outros de outras cidades,venham aqui, fazem o trabalho e deixam um rastro de ilegalidades, enquanto os que são legais, estão sendo injustiçados.

A proposta nessa primeira reunião, foi o da criação de uma Associação dos Profissionais de Propaganda Volante de Porangatu-Goiás – ASSPROV-PGTU, com estatuto registrado em cartório, diretoria e etc.A partir dessa primicia, os afiliados terão a oportunidade de regulamentar seus veículos,IPVA,Licenciamento,formalizar sua Micro Empresa Individual, ou outra,Certidão e Adesivo da SEMMA.Os carros de som de outra cidade que vier a Porangatu,trabalhar, terão que se licenciar para isso,pois é assim que fazem com os daqui,quando vão às suas cidades.Os carros de som próprios de lojas,terão que licenciar o carro de som.Será feita uma pesquisa a respeito das motos e bicicletas, junto ao Contran.Se for permitido por lei federal, com certeza terá que ser regulamentada, como todos os demais.