Português Italian English Spanish

Vereadores votam contra o Veto da Prefeita Alessandra de Formoso

Vereadores votam contra o Veto da Prefeita Alessandra de Formoso

Maioria dos vereadores de Formoso contra ficha suja é respaldada pela comunidade

Ivan Vieira

A Câmara Municipal de Formoso - Goiás,cidade no entorno de Porangatu,região norte de Goiás, em sessão extraordinária,realizada na ultima terça feira,23/1/2018,as 19 horas no Plenário José Dias da Silva, no prédio da Prefeitura Municipal,DERRUBOU O VETO, da Prefeita Alessandra Souza Carvalho Rosa, sobre o Projeto Ficha Limpa de número 7,que versa:Para assumir cargo público(secretários e outros comissionados)tem que ser ficha limpa, a Câmara havia aprovado, e a prefeita antes de sancionar,VETOU devolvendo assim ao Legislativo Formosence.Na apreciação 5 vereadores votaram contra o Veto, a vereadora Jô, não compareceu por estar em consulta médica e 2 vereadores votaram a favor do veto.Os vereadores que foram contra o Veto da Prefeita foram:Walter Pereira Pessoa, Alarico Alves dos Reis,Hallison Macedo dos Santos Costa, Danilo Moreira,Rafael Barbosa e o presidente Antonio Carlos Fernandes que apóia,porém não tem direito a voto. Os dois votos a favor da prefeita foram dos vereadores Célio José da Silva e Olegário de Jesus Silva.

A Prefeita, justificou o Veto Total do projeto alegando que, a pretensão não reúne condições de ser integrada a Lei.

Veja o que diz a lei do Legislativo no seu Inciso X, que foi vetado

O inciso X – os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções publica rejeitadas por irregularidade insanáveis que configura ato doloso de improbidade administrativa e por decisão irrecorrível do órgão competente,salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário,para as eleições que se realizarem no 8(oito) anos seguintes,contados a partir da decisão,aplicando-se o disposto no inciso II do artigo 71 da Constituição Federal a todos os ordenadores de despesa,sem exclusão de mandatários que houverem agido nessa condição.

Com a queda do Veto da prefeita, o Presidente da Câmara deve Promulgar,tornando-a Lei Municipal,e se tiver algum cargo comissionado que tenha problemas de Ficha Suja,deverá ser exonerado.

Maioria dos vereadores de Formoso contra ficha suja é respaldada pela comunidade.

A Câmara Municipal de Formoso - Goiás,cidade no entorno de Porangatu,região norte de Goiás, em sessão extraordinária,realizada na ultima terça feira,23/1/2018,as 19 horas no Plenário José Dias da Silva, no prédio da Prefeitura Municipal,DERRUBOU O VETO, da Prefeita Alessandra Souza Carvalho Rosa, sobre o Projeto Ficha Limpa de número 7,que versa:Para assumir cargo público(secretários e outros comissionados)tem que ser ficha limpa, a Câmara havia aprovado, e a prefeita antes de sancionar,VETOU devolvendo assim ao Legislativo Formosence.Na apreciação 5 vereadores votaram contra o Veto, a vereadora Jô, não compareceu por estar em consulta médica e 2 vereadores votaram a favor do veto.Os vereadores que foram contra o Veto da Prefeita foram:Walter Pereira Pessoa, Alarico Alves dos Reis,Hallison Macedo dos Santos Costa, Danilo Moreira,Rafael Barbosa e o presidente Antonio Carlos Fernandes que apóia,porém não tem direito a voto. Os dois votos a favor da prefeita foram dos vereadores Célio José da Silva e Olegário de Jesus Silva.

A Prefeita, justificou o Veto Total do projeto alegando que, a pretensão não reúne condições de ser integrada a Lei.

Veja o que diz a lei do Legislativo no seu Inciso X, que foi vetado

O inciso X – os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções publica rejeitadas por irregularidade insanáveis que configura ato doloso de improbidade administrativa e por decisão irrecorrível do órgão competente,salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário,para as eleições que se realizarem no 8(oito) anos seguintes,contados a partir da decisão,aplicando-se o disposto no inciso II do artigo 71 da Constituição Federal a todos os ordenadores de despesa,sem exclusão de mandatários que houverem agido nessa condição.

Com a queda do Veto da prefeita, o Presidente da Câmara deve Promulgar,tornando-a Lei Municipal,e se tiver algum cargo comissionado que tenha problemas de Ficha Suja,deverá ser exonerado.