Português Italian English Spanish

Beneficiários do Programa Renda Cidadã vão receber parte do ICMS pago em compras

Beneficiários do Programa Renda Cidadã vão receber parte do ICMS pago em compras

Projeto pretende pagar até R$ 73 por mês para quem recebe o benefício; contribuinte deve estar cadastrado no programa social e informar o CPF ao comprar algo.

Beneficiários do Renda Cidadã serão automaticamente incluídos no Nota Fiscal Goiana

Os beneficiários do Programa Renda Cidadão vão receber, a partir de março, parte do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) pago durante compras em Goiás. O projeto, chamado de ICMS Cidadão, foi lançado na quarta-feira (31), e pretende pagar até R$ 73 por mês para quem recebe o benefício.

"O cidadão vai comprovar, através do CPF, que comprou determinados produtos, vai pedir a nota fiscal, que com isso, no mês seguinte à compra, ele vai receber de volta o valor que ele pagou [de ICMS]", explicou o governador de Goiás, Marconi Perillo.

O ICMS Cidadão foi elaborado pela Secretaria da Fazenda, em parceria com a Secretaria Cidadã. O benefício reverte para o contribuinte parte do imposto pago nas compras. Para ter o reembolso é necessário informar o CPF na nota fiscal ao realizar uma compra, além de estar devidamente cadastrado no Programa Renda Cidadã.

O beneficiário do programa poderá receber 12% do ICMS pago em mercadorias ao longo de um mês, no valor máximo de R$ 73,70. O impacto previsto pelo governo é de R$ 62,4 milhões, que, segundo a Secretaria Cidadã, será custeado pelo Fundo de Proteção Social do Estado de Goiás (Protege).

Nota Fiscal Goiana

Atualmente, cerca de 100 mil famílias recebem, por mês, o benefício de R$ 100 por meio do programa Renda Cidadã. A Secretaria Cidadã informou que todos os cadastrados no projeto serão automaticamente no Programa Nota Fiscal Goiana para que, ao informar o CPF em uma compra, parte do ICMS seja creditada no benefício.

No mês seguinte à compra, o órgão vai receber um arquivo com a soma das compras feitas por cada um dos beneficiários, que terão parte do imposto pago, adicionado ao Renda Cidadã.

"As famílias já cadastradas no Programa Renda Cidadã, que solicitaram a nota fiscal em suas compras e incluírem o CPF delas, elas terão o imposto relativo àquela compra retornado a elas todos os meses", disse o superintendente executivo da Secretaria da Fazenda, Glaucus Moreira.

Famílias terão parte do ICMS reembolsadas pelo governo em Goiás