Português Italian English Spanish

ADEJAR APOSTA NA APICULTURA EM PORANGATU

ADEJAR APOSTA NA APICULTURA EM PORANGATU

 
 

Título: Di Chesare
 

“Ser apicultor é amar a pecuária da apicultura, é conhecer e amar abelhas, desenvolver alguma coisa diferente das outras pessoas”, explicou o apicultor Adejar Vicente dos Santos. Um apaixonado pelo trabalho. Ele ainda detalhou sobre as abelhas apis, de origem europeia, africanas que são abelhas que tem ferrão e as melipolinas, abelhas brasileiras e sem ferrão. De acordo com o apicultor os estudos e avanços tecnológicos tem propiciado de maneira fácil e rápida, uma melhor convivência com as abelhas garantindo mais qualidade e quantidade do mel. Adejar observa que a apicultura tem se desenvolvido muito em Goiás, e em Porangatu, tem a Cooperativa do Mel, a Coopermel, responsável pelo processamento do produto. Com um numero favorável de apicultores que buscam conhecimentos para surgimento de mais colmeias, enriquecendo a produção de mais mel, pólen, própolis e apitoxina.

O apicultor destaca que o pasto limpo é o grande problema para as abelhas fabricar o mel, pois a florada baixa está esgotando. Por esta razão, eles contam apenas com duas colheitas por ano e o mel ainda não é um hábito alimentar de muita gente, sobretudo dos brasileiros do Norte, que é nosso caso, que consome ainda em pouca quantidade. Uma parte do mel produzido em Porangatu vai para a Coopermel, que fornece o produto para os comerciantes locais. Outra parte é vendida para a Conab e é utilizado para a merenda escolar. Ávido por conhecimento, Adejar Santos e outros três apicultores de Porangatu, participaram de um congresso de apicultura na cidade de Bonito-MS no final de março. Também embarcaram m do conhecimento mais dois apicultores de São Miguel do Araguaia e mais 47 de outras cidades de Goiás.

Disse ainda do Congresso Nacional de Apicultura em Joinville SC no próximo ano.

 
 
 
 

CURSO FOMENTA PRODUÇÃO DO MEL

Em março aconteceu em Porangatu, a 1ª Exposição Técnica de Apicultura (Exponatec) - feira que integrou as ações promovidas durante os cursos de apicultura e meliponicultura, oferecidos pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Além da exposição, foram promovidas palestras e visitas técnicas à Cooperativa Coopermel e ao entreposto do mel de Porangatu. Cada turma pode expor os trabalhos feitos durante os cursos, envolvendo temas como agricultura familiar, programação e controle de produção, gestão da qualidade ISO 9000, além de abordar os equipamentos necessários para a extração do mel. A programação foi dirigida para as técnicas de inserção de mercado da cadeia produtiva do mel, fortalecendo os potenciais produtores. Os formandos levaram conhecimento para unidades da APL de Porangatu, sediadas em São Miguel do Araguaia, Novo Planalto, Estrela do Norte, Formoso, Trombas, Montividiu do Norte, Campinaçu, Minaçu, Campinorte, Uruaçu, Campos Verdes, Uirapuru, Mutunópolis e Bonópolis.